PSD/Açores realça importância da sustentabilidade do turismo nos Açores

A deputada do PSD/Açores Elisa Sousa realçou a importância da sustentabilidade do turismo nos Açores, alcançado através do trabalho desenvolvido pelo Governo da Coligação – PSD, CDS-PP e PPM – no setor, com “verbas superiores à média das verbas executadas pelos Governos socialistas entre 2012 e 2020”.

A parlamentar social-democrata falava ontem na sessão de apresentação de propostas para os setores do Turismo, Mobilidade e Infraestruturas, no âmbito do Orçamento para a Região Autónoma dos Açores para 2023, na Assembleia Legislativa dos Açores, na Horta.

Para Elisa Sousa, “trata-se de um plano responsável, que não promete milhões para executar tostões, de um Governo que reconhece as dificuldades dos desafios que se avizinham, mas que tem uma visão estratégica e a determinação para a colocar em prática em prol de um turismo sustentável e de uns Açores únicos”.

“O turismo agora está, sim, em boas mãos”, frisou a deputada do PSD/Açores eleita por Santa Maria.

Elisa Sousa não hesita ao afirmar que “o Turismo nos Açores tem sido, ao longo dos últimos anos uma das alavancas económicas da Região, sendo que os resultados operacionais do último ano comprovam a importância vital deste setor na economia da Região”, salientou.

A parlamentar social-democrata diz que “os dados não deixam dúvidas: no ano 2022, quando comparado ao ano de 2019, o melhor ano de sempre no setor, no acumulado de janeiro a setembro, a Região recebeu quase um milhão de turistas”.

“Um milhão de turistas geradores de 2,5 milhões de dormidas e mais de 104 milhões de proveitos na hotelaria e restauração, um aumento de 19% face ao mesmo período de 2019”, sublinhou.

Elisa Sousa apontou ainda que “nos primeiros nove meses de 2022, suplantaram os primeiros nove meses do melhor ano de sempre do Turismo, no que diz respeito ao número de hóspedes, dormidas e proveitos económicos”.

Isto já para não falar do reconhecimento da “qualidade do destino Açores fora de portas constitui-se como a chave para a consolidação de um destino cada vez mais ligado à natureza e à sustentabilidade”, conferiu a deputada do PSD/Açores.

A parlamentar social-democrata considerou “os instrumentos estratégicos, como o Plano Estratégico e de Marketing do Turismo dos Açores (que se prevê estar concluído no verão IATA de 2023), e o Plano de Ordenamento Turístico da Região Autónoma dos Açores fundamentais para o sucesso do Turismo nos Açores em cada uma das nossas ilhas”.

O Plano Regional para 2023 conta com uma verba de 13,5 milhões de euros para a área do Turismo quando “desmentindo o PS, que está reduzido a um mero arauto da desgraça”.

A deputada do PSD/Açores elenca, desta forma, as diversas conquistas alcançadas pelo Governo da Coligação no setor do Turismo.

“Os Açores são o primeiro arquipélago no mundo a obter a certificação internacional de destino turístico sustentável”, indicou Elisa Sousa, acrescentando que os feitos se estenderam ao plano internacional.

A título de exemplo, aponta a eleição dos Açores pela National Geographic como um dos melhores destinos na categoria natureza para 2023, enquanto os profissionais do setor elegem o arquipélago como destino com maior potencial turístico (World Travel Market).

Soma igualmente “o prémio da European Enterprise Promotion Awards 2022 com a Cartilha da Sustentabilidade dos Açores, como referência europeia para o desenvolvimento sustentável”, terminou.