Desporto. Paulo Gomes destaca aprovação de “melhorias importantes” na formação de atletas

O deputado do PSD/Açores Paulo Gomes destacou a aprovação, pelo Parlamento regional, da proposta do Governo que introduz “melhorias importantes” nos incentivos à formação de atletas, correspondendo a reivindicações antigas das associações de diferentes modalidades desportivas.

“O PSD votou a favor da iniciativa do Governo dos Açores, pois introduziu melhorias importantes e há muito reivindicadas pelas associações. Estas modificações, feitas após serem ouvidas as associações, vão impedir novas injustiças e contribuir para o desenvolvimento da literacia motora do atleta açoriano”, afirmou o social-democrata, na Assembleia Legislativa dos Açores, após a aprovação de uma proposta do Governo de alteração ao regime jurídico de apoio ao movimento associativo desportivo.

Segundo o parlamentar, “os clubes e os atletas açorianos ficam a ganhar” com a proposta do Governo Regional agora aprovada no Parlamento.

“O superior interesse do desporto açoriano prevaleceu sobre as tentativas do Partido Socialista de criar instabilidade na atividade desportiva. O PS queria adiar a discussão do diploma para depois do início das competições, o que só iria prejudicar os clubes e os atletas”, disse.

A iniciativa do Governo da coligação PSD/CDS-PP/PPM “melhorou o conceito do atleta formado no clube”, que passa agora a abranger os praticantes que, até aos 18 anos, tenham praticado “qualquer modalidade federada no mesmo clube”.

“Esta medida pode tornar os clubes mais ecléticos”, disse Paulo Gomes.

Outra das alterações diz respeito ao conceito de atleta formado na Região, que “até aqui era aquele que, durante quatro anos e até aos 18 anos, tivesse tido uma prática federada na mesma modalidade”.

“Esta era claramente uma situação muito redutora. Sabe-se hoje que quanto maior for a multiplicidade de experiências desportivas, mais rica é a literacia motora dos atletas. Assim, com esta alteração, o atleta deixa de ser prejudicado quando pratica uma determinada modalidade e depois passa a praticar uma modalidade diferente”, explicou.