COVID-19. Bolieiro defende suspensão de voos com EUA e Canadá

O presidente do PSD/Açores defendeu a suspensão dos voos da Azores Airlines com os Estados Unidos da América (EUA) e o Canadá, como medida de prevenção face à pandemia do coronavírus COVID-19.

“Face às decisões tomadas pelo Governo Regional em relação às operações da SATA Air Açores e da Azores Airlines, o PSD propõe a suspensão dos voos da companhia aérea entre a Região e os Estados Unidos e Canadá”, afirmou José Manuel Bolieiro, em conferência de imprensa.

Segundo o líder dos social-democratas açorianos, a suspensão das ligações aéreas entre a Região e a América do Norte “enquadra-se na proposta apresentada pela presidente da Comissão Europeia de restrição temporária a viagens não essenciais para a União Europeia”.

Relativamente à suspensão de todas as ligações aéreas entre a Região e o exterior, José Manuel Bolieiro considerou “inaceitável” a posição do Primeiro-Ministro de recusar o pedido nesse sentido feito pelos governos regionais dos Açores e Madeira.

“O PSD entende que a Região deve fazer tudo o que estiver ao seu alcance para garantir a suspensão das ligações aéreas entre os Açores e o exterior. A atitude do senhor Primeiro-Ministro de negar a suspensão dos voos não faz qualquer sentido e prejudica o grande esforço que as autoridades regionais têm de fazer para enfrentar a pandemia”, disse.

Sobre as medidas de prevenção necessárias na Região, o presidente do PSD/Açores reafirmou que “mais vale ser excessivo na prudência do que negligente na ação”.

“O PSD/Açores apoia a atuação do Governo Regional e as medidas que apresentou até agora perante a pandemia do coronavírus COVID-19. Se necessário for prolongar a situação de contingência por mais tempo, o Governo terá o nosso apoio”, afirmou José Manuel Bolieiro.