Marcos Couto quer campanha autárquica assente na verdade

O candidato do PSD à presidência da Câmara Municipal de Angra do Heroísmo pretende realizar uma campanha autárquica onde “a verdade vai estar acima de tudo”.

“Os nossos candidatos são, efetivamente, excelentes escolhas. Têm toda a qualidade para estarem à frente das freguesias a partir de 1 de outubro” realçou Marcos Couto, destacando que a campanha eleitoral que se aproxima será realizada com “a verdade acima de tudo”.

No entender do social democrata, “a nossa postura será o que vai marcar a diferença naquilo como vamos fazer a nossa campanha”, frisou, após apresentar os cabeças de listas às várias assembleias de freguesia do concelho.

“Esta terá que ser uma campanha pela positiva e não uma campanha a criticar aquilo que são os outros candidatos. Vamos mostrar as nossas ideias e é por aí que temos de merecer a escolha dos nossos eleitores”, referiu o candidato, frisando que apenas “será prometido o que podemos fazer”.

Marcos Couto salientou que “não estamos aqui contra nada nem contra ninguém”.

“Estamos aqui pelas pessoas. Estamos aqui pelas nossas ideias e por aquilo que acreditamos”, afirmou, acrescentando que “é pelas pessoas e pela credibilidade que nos apresentamos no dia 1 de outubro”.

Para o candidato do PPD/PSD, a participação cívica “tem de ter um princípio de honestidade”.

“Todos nós temos uma vida que vai muito além daquilo que é esta participação cívica e queremos todos andar na rua com a mesma dignidade que temos agora”, referiu, enfatizando que “as pessoas devem perceber que isto tem de mudar”.

Marcos Couto entende que, quer se ganhe ou se perca, “temos de continuar a olhar para as pessoas com a mesma dignidade”.

Presente na sessão, o presidente do PSD/Açores, Duarte Freitas, realçou “a coragem” com que Marcos Couto enfrenta o desafio de ser candidato, ação “em que é acompanhado por todas estas pessoas. Porque ser candidato pelo PSD, especialmente na Ilha Terceira, é hoje um ato de coragem”.

O líder social democrata disse acreditar que, “mesmo com todas as pressões a que têm sido sujeitos, e elas acontecerem um pouco por todos os Açores durante a feitura das listas”, os eleitores “vão saber, no recato da urna, escolher e votar em consciência a 1 de outubro. E dar um grande resultado ao PSD, em Angra do Heroísmo”, sublinhou.

Os cabeças de lista pelo PSD às Juntas de Freguesia de Angra do Heroísmo são Alberto Azevedo (Porto Judeu), André Menezes (Doze Ribeiras), António Santos (São Mateus), Cesário Pamplona (São Bartolomeu), Eduarda Sousa (São Bento), Fernanda Silva (Conceição), Francisco Santos (São Sebastião), João Nunes (São Pedro), Luís Leal (Cinco Ribeiras), Manuel Barros (Serreta), Manuel Dinis (Altares), Mário Cardoso (Raminho), Miguel Figueira (Feteira), Nélia Santos (Santa Bárbara), Pedro Cardoso (Posto Santo), Ramiro Barbosa (Santa Luzia) e Rómulo Correia (Terra Chã). Na freguesia da Sé, o PSD apoia a lista independente “Todos Somos Sé”, liderada pela atual presidente da Junta de Freguesia, Cecília Costa.