Vasco Cordeiro incapaz de explicar 200 milhões de prejuízos na SATA
Publicado em 21 de Dezembro, 2018

O PSD/Açores afirmou que o presidente do governo regional foi incapaz de explicar os 200 milhões de prejuízos acumulados pela SATA nos últimos dez anos, alegando que Vasco Cordeiro “não respondeu” às questões da oposição sobre o “colapso” da companhia aérea açoriana.

“A SATA perdeu 200 milhões de euros em dez anos e os açorianos vão ter que pagar esse custo. O presidente do governo não deu explicações, pois sempre que foi confrontado com números concretos não respondeu”, disse o deputado social-democrata António Vasco Viveiros.

O parlamentar do PSD/Açores, que falava no final da audiência do presidente do governo regional na comissão parlamentar de inquérito ao setor público empresarial, salientou que Vasco Cordeiro não deu justificações para a “situação crítica” que a SATA atravessa, com a perda de 200 milhões de euros numa década.

“Após várias audições, continuam sem ser devidamente identificadas as causas daquilo que foi o colapso da SATA”, sublinhou.

Em relação ao futuro da companhia aérea açoriana, António Vasco Viveiros referiu que o presidente do governo regional também não foi capaz de apontar um rumo para a SATA sair da grave situação em que se encontra.

“As justificações do presidente do governo não respondem àquilo que são os desafios que a empresa enfrenta, nem à urgência de salvar a SATA, que é o que realmente está em causa”, concluiu o deputado social-democrata.