Comunicado da Comissão Política Regional do PSD/Açores sobre privatização da SATA Internacional
Publicado em 10 de Novembro, 2018

A Comissão Política Regional do PSD/Açores, que reuniu de urgência em Ponta Delgada, vem manifestar o seguinte:

O processo de privatização da SATA Internacional é uma fraude política.

O Governo Regional e o Partido Socialista mentiram aos açorianos.

O Governo Regional e o Partido Socialista encenaram uma farsa sobre uma ‘inadvertida’ fuga de informação.

O Governo Regional e o Partido Socialista voltaram a cometer um ato de gestão danosa na SATA.

Isto é um insulto ao Povo Açoriano!

O Governo mentiu aos Açorianos porque não há, nem nunca houve, nenhuma proposta concreta para a compra de 49 por cento do capital da SATA Internacional.

O Governo andou mais de 100 dias a fingir que havia uma proposta concreta para a compra da SATA Internacional.

Nunca houve proposta! Nunca houve negócio!

O processo de privatização deveria ter sido anulado imediatamente no mês de julho, por falta de propostas concretas.

Mas o Governo preferiu fazer uma encenação durante quatro meses.

No mês passado, a Secretária Regional dos Transportes chegou ao ponto de prestar falsas declarações à comissão parlamentar de inquérito – o que pode configurar crime – quando disse que havia uma proposta vinculativa.

Mentiu! Isto é um insulto ao Povo Açoriano!

O Governo e o Partido Socialista encenaram uma farsa sobre uma suposta fuga de informação para desviar as atenções do que realmente importa: nunca houve uma proposta concreta para compra da SATA Internacional.

Aquilo a que assistimos não é apenas uma manobra de diversão que o Governo usou como desculpa para anular o processo de privatização.

É muito mais do que isso. É uma farsa!

A senhora Presidente da Assembleia abriu um inquérito à suposta fuga de informação antes desta acontecer.

Os documentos só foram tornados públicos às 20 horas de quinta-feira, no Telejornal da RTP/Açores.

Mas às 17.44 do mesmo dia a senhora Presidente da Assembleia já estava a anunciar a abertura de um inquérito.

Estamos perante uma farsa da responsabilidade da Presidente da Assembleia, manipulada pelo Partido Socialista.

Isto é um insulto ao Povo Açoriano!

Ainda a este propósito, a Comissão Política Regional manifesta a sua absoluta confiança no Presidente da Comissão de Inquérito e nos deputados do PSD que a integram.

O Governo voltou a prejudicar a SATA.

Enquanto o Governo passou quatro meses a fingir ter uma proposta de compra, a SATA acumulou prejuízos de milhões de euros.

Este foi só mais um, entre muitos, atos de gestão danosa que a governação do Partido Socialista cometeu na SATA.

É importante que os Açorianos saibam que a administração da SATA entregou as quatro aeronaves Dash Q400 a um Banco em troca da obtenção de financiamento.

É importante que os Açorianos saibam que a SATA paga 12 milhões de euros de renda por ano pelo A330 ‘Cachalote’, que, segundo a administração, agora já não serve.

Tudo isto, citando o senhor Presidente do Governo, é que é um “caso de polícia”.

Tudo isto é um insulto ao Povo Açoriano!

E tudo isto tem responsável: Vasco Cordeiro.

Vasco Cordeiro é o responsável máximo pela fraude política que foi o processo de privatização da SATA Internacional.

Vasco Cordeiro é o culpado pela destruição da SATA.

Só há uma conclusão possível a tirar disto tudo:

Nos Açores já não há Governo. Há apenas um bando de amigos que se encobrem uns aos outros.

 

Ponta Delgada, 10 de novembro de 2018

A Comissão Política Regional do PSD/Açores