SATA continua a falhar com os açorianos da Diáspora
Publicado em 31 de Agosto, 2018

Os deputados do PSD/Açores eleitos pela Terceira responsabilizaram o Governo Regional pela “reiterada sucessão de episódios negativos verificados nos atrasos e cancelamentos até às avarias nos equipamentos da SATA. Acumulam-se as situações, muitas delas graves, e que só prejudicam a imagem e a economia da ilha, nomeadamente junto da nossa Diáspora”, lamentam.

Para Mónica Seidi, César Toste e Luís Rendeiro, a realidade “mostra aquilo que são evidências, e ainda esta semana isso aconteceu com voos da SATA para os EUA, que atrasaram durante horas, causando imensos transtornos a açorianos que, não sendo agora residentes nas nossas ilhas, continuam a querer visitar-nos”, adiantam.

Os social-democratas alargam o leque das críticas “às diversas ingerências na gestão da transportadora aérea regional, que tem provocado prejuízos claros ao dia a dia destas ilhas e na imagem que se quer passar a quem nos visita”, sublinham.

“O que se passou com os nossos emigrantes esta semana, nas Lajes, é sintomático, e reflete a atitude da empresa e do governo, durante todo o ano, face a quem a sustenta, que são os açorianos, através dos seus impostos e à conta do executivo regional que é acionista único da companhia”, alertam.

Para Mónica Seidi, César Toste e Luís Rendeiro, “já é tempo de se assegurar um rumo sustentável para a SATA”, concluem.