António Ventura defende solidariedade da República face à seca na Região
Publicado em 29 de Junho, 2018

O deputado do PSD/Açores na Assembleia da República, António Ventura, afirmou hoje que é preciso “solidariedade da República, perante a severa seca que se vive em algumas ilhas dos Açores, e que já uma realidade preocupante, como está a acontecer na Ilha Terceira”, exemplifica.

No âmbito da audição do Ministro da Agricultura na Comissão de Agricultura e Mar, o social democrata questionou o governante sobre a atual situação, explicando que já há agricultores locais “a atravessar muitas dificuldades, resultantes da ausência de chuva, que se agrava a cada dia que passa”.

Segundo António Ventura, e nos caso dos produtores de leite terceirenses, “estima-se que a produção de leite poderá sofrer, este ano, uma redução de cerca de 40%, com a produção de milho a ser também drasticamente atingida, o que terá inevitáveis consequências no seu rendimento”, referiu

“A seca terá também consequências negativas sobre a disponibilidade de alimentos para a bovinicultura nos próximos meses. Em especial, porque os produtores estão a utilizar os alimentos que deveriam ser guardadas para o período de inverno”, acrescenta.

O deputado do PSD alerta para o facto de a quebra nos rendimentos dos produtores “poder ter um efeito dominó sobre toda a economia dos Açores”.

Assim, solicitou ao Ministro da Agricultura “que exista solidariedade para com os produtores agrícolas, perante a invulgar seca que se verifica no arquipélago”, tendo Capoulas Santos referido “que vai reunir com o Presidente do Governo Regional para avaliar a situação”, diz o parlamentar.

António Ventura defende que o Governo da República “deve articular com o Governo Regional apoios à perda de rendimento dos produtores, medidas mitigadoras dos efeitos da seca na economia açoriana, devendo ainda acompanhar muito de perto a evolução do problema”.

“O Governo não pode fazer de conta que não é nada consigo”, concluiu o deputado.