Alunos sem professor em escolas da ilha das Flores
Publicado em 11 de Outubro, 2017

O deputado do PSD/Açores Bruno Belo denunciou que há alunos sem professor nas escolas de Santa Cruz das Flores e Lajes das Flores e pediu explicações ao governo regional sobre o caso.

“Neste momento, duas turmas estão sem professor, designadamente o quarto ano da escola das Lajes das Flores e o terceiro ano na escola de Santa Cruz das Flores. O apoio educativo também está comprometido, pois um professor de apoio denunciou contrato e os docentes que a direção regional da Educação pretende alocar à Escola Básica e Secundária das Flores ficam aquém das reais necessidades”, afirmou o deputado social-democrata.

Em requerimento enviado à Assembleia Legislativa dos Açores, Bruno Belo salientou que os alunos das turmas que se encontram sem professor titular “estão a ser distribuídos pelas salas dos restantes anos de escolaridade, comprometendo, ainda mais, a qualidade pedagógica”.

“Portanto, as turmas não só não têm apoio como recebem alunos de outras turmas de outros anos de escolaridade”, frisou.

O parlamentar do PSD/Açores, eleito pela ilha das Flores, alertou também para o facto da escola de Ponta Delgada, no concelho de Santa Cruz das Flores, estar a “funcionar de forma muito precária, designadamente sem professor de apoio e com apenas um professor para os quatro níveis de ensino do primeiro ciclo”.

O deputado social-democrata denunciou igualmente que no ensino especial “o número de recusas de professores ascende a seis”, enquanto que a sétima docente colocada “aceitou a colocação, mas apresentou atestado”.

“O facto de existirem professores no mercado não é, por si só, garantia de colocação de professores nas ilhas periféricas”, disse.

Para Bruno Belo, o governo Regional “deve aplicar os incentivos estabelecidos nos Estatuto da Carreira Docente” para a fixação de professores, “ou outras medidas que se revelem eficazes na resolução deste grave problema”.

O deputado social-democrata lembrou ainda que o PSD/Açores “apresentou recentemente um projeto de resolução recomendando ao governo regional a aplicação dos incentivos plasmados no Estatuto da Carreira Docente”.

A unidade orgânica da Escola Básica e Secundária da ilha das Flores é composta por três polos: Santa Cruz das Flores, Lajes das Flores e Ponta Delgada.