António Ventura lamenta “declarações jocosas” do Ministro da Defesa sobre os Açores
Publicado em 09 de Junho, 2017
O deputado do PSD/Açores na Assembleia da República António Ventura lamentou hoje as “declarações jocosas” do Ministro da Defesa, alegando que o governante quis “ridicularizar” a importância nacional das questões relativas à Base das Lajes.
“O tom trocista com que o senhor ministro Azeredo Lopes se referiu aos Açores revela uma tentativa de ridicularizar, diminuir e diluir a importância nacional das questões da Base das Lajes e dos Açores”, afirmou António Ventura.
O deputado social-democrata açoriano salientou que o Ministro da Defesa tentou, “com este comportamento lamentável, minimizar a importância de eu ser deputado eleito pela Região Autónoma dos Açores”.
“Sou deputado eleito pelos Açores com muito orgulho e os Açores são uma parte de Portugal. Por isso, os problemas dos açorianos devem merecer toda a atenção política na Assembleia da República”, considerou.
Para António Ventura, as declarações de Azeredo Lopes “são reveladoras do profundo incómodo” do Ministro da Defesa e do governo da República com as questões da Base das Lajes.
“O senhor Ministro da Defesa está tão incomodado com estas questões que não hesitou em falar de forma jocosa sobre os Açores. E até um jornal açoriano de referência como é o Diário Insular não escapou ao escárnio do senhor ministro”, disse.
O deputado do PSD/Açores na Assembleia da República acrescentou que o governo da República “devia estar era preocupado em fornecer aos deputados dos Açores os dados que solicitaram sobre a Base das Lajes, como sejam as atas das reuniões bilaterais”, concluiu António Ventura.