Comunicado da comissão política concelhia da Povoação – 24 de fevereiro de 2016
Publicado em 24 de Fevereiro, 2016

Foi com surpresa e desilusão que os povoacenses, certamente, tomaram conhecimento dos resultados da reunião entre o presidente da câmara e o presidente do governo, confirmando-se aquilo que há muito já suspeitávamos: os socialistas são peritos em prometer o que sabem que não vão cumprir e ainda mais profissionais a encontrar desculpas para o que prometem com intenção de não cumprir.

Só isso explica que Vasco Cordeiro se tenha candidato a presidente do governo com uma extensa lista de promessas para o concelho da Povoação e que agora se prepare para fazer mais uma campanha a prometer apresentar os projectos das obras que prometeu e não construiu.

Vasco Cordeiro prometeu construir um quartel dos bombeiros e não cumpriu. Agora anuncia que se prepara para apresentar o projecto do que prometeu construir.

Vasco Cordeiro prometeu uma solução para a estrada entre a Povoação e a Furnas, falando até num túnel, e agora embrulha-se em estudos para confessar que afinal não tem projecto nenhum, não há obra nenhuma nem os povoacenses sabem quando podem vir a contar com uma solução que melhore a segurança naquela via.

O mesmo para a ligação entre as Furnas e a Ribeira Quente. Vasco Cordeiro faz parte dos governo socialistas que prometeram uma via alternativa, mas agora, nada.

Quanto à Escola da Povoação, o governo socialista confessa que nada pretende ali fazer. Nem obras, nem ampliação nem novo estabelecimento de ensino. Neste caso nem sequer há promessas de apresentação de projectos para enganar os povoacenses.

Com Vasco Cordeiro em campanha para presidente do governo, os povoacenses ouviram muitas promessas. Com Vasco Cordeiro como presidente do governo, os povoacenses não viram obras e foram esquecidos com o silêncio cúmplice da câmara da Povoação.

Agora que se aproximam as eleições, eis que Vasco Cordeiro regressa com promessas e mais promessas. Desta vez os povoacenses sabem que não podem confiar. Basta!