Duarte Freitas garante que PSD/Açores vai continuar a defender a ilha Terceira
Publicado em 12 de Janeiro, 2016

O presidente do PSD/Açores assegurou que os sociais-democratas “vão continuar a trabalhar” para encontrar soluções que ajudem a ilha Terceira a “vencer as dificuldades atuais” e que “não decorrem apenas da redução do contingente militar norte-americano na base das Lajes”.

Duarte Freitas, que falava no parlamento regional, defendeu a criação de uma zona especial no porto da Praia da Vitória que permita “a instalação de empresas que possam criar postos de trabalho efetivos” assim como a criação de “um centro de excelência”. A esse propósito, o presidente do PSD/Açores recordou que “já existiu algum trabalho feito pelo anterior governo da República junto de Bruxelas com o objectivo de criar essa Zona Especial”.

O líder dos sociais-democratas açorianos considerou ser necessário “continuar o trabalho de consensos a nível regional e com a República” de forma a assegurar “a defesa dos interesses regionais”, disse.

“Esperamos que se possam encontrar soluções, que o centro de inteligência que os Estados Unidos previam instalar no Reino Unido possa ser colocado na ilha Terceira” disse Duarte Freitas considerando que é também possível “trabalhar junto da NATO que está a criar centros de excelência em toda a Europa e ainda não tem nenhum previsto para o nosso país”.

Para o presidente do PSD/Açores “é necessário procurar mais fundo a origem dos problemas que se verificam na ilha Terceira e que não resultam apenas da redução militar na base das Lajes, basta ver o que se verifica atualmente na agricultura”.

“Sem resolver as questões de fundo, todas as outras podem ser resolvidas mas os Açores em geral e a ilha Terceira em particular não terão condições de progresso”.