Governo dos Açores “insiste em criar dificuldades” às IPSS
Publicado em 02 de Outubro, 2015

O PSD/Açores considerou que o governo regional “insiste em criar dificuldades” às instituições particulares de solidariedade social (IPSS), como comprova o atraso no pagamento de apoios às valências de jardins-de-infância das IPSS.

“O governo regional, como é sua tradição e como o PSD/Açores vem denunciando, continua a dever dinheiro e a criar dificuldades às instituições que prestam apoio social. Este governo, que é o primeiro a apontar o dedo a algum problema relativo a apoios sociais na República, é o primeiro a falhar nas questões sociais nos Açores”, afirmou o deputado social-democrata João Bruto da Costa.

O parlamentar do PSD/Açores referia-se à denúncia feita pelo Sindicato dos Trabalhadores da Administração Pública (SINTAP) sobre os atrasos nos pagamentos da Secretaria Regional da Educação relativos às valências de jardins-de-infância de diversas IPSS da Região e que podem conduzir ao encerramento destas.

João Bruto da Costa salientou que a resposta do governo regional a esta denúncia do SINTAP demonstra a “forma vergonha como o Partido Socialista enfrenta os problemas sociais nos Açores”, sobretudo porque estão causa, referiu, apoios sociais relativos a crianças, “que são quem mais sofre com a crise que ainda atinge os Açores”.