Governo deve explicações sobre ampliação da placa de estacionamento das Lajes
Publicado em 16 de Setembro, 2015

O PSD/Açores pediu explicações ao Governo Regional sobre a ampliação da placa de estacionamento da aerogare das Lajes, considerando que “o incumprimento da promessa feita por Carlos César em 2006 é uma situação que se arrasta há demasiado tempo e que se tem agravado nos tempos mais recentes, fruto do aumento do tráfego aéreo civil verificado no último ano”, disse o deputado Luís Rendeiro.

Num requerimento entregue na Assembleia Legislativa, o social-democrata quer saber se o Governo Regional “mandou ou não elaborar o projecto de execução da obra, tal como foi anunciado pelo então presidente, Carlos César, e como estava previsto no Plano Regional de 2009”, questiona.

“Se assim aconteceu, qual o motivo para que a Placa de Estacionamento de Aeronaves da Aerogare Civil das Lajes não tenha sido ampliada até hoje?”, pergunta Luís Rendeiro, lembrando “os recorrentes constrangimentos que se têm verificado, que estão a causar transtornos e incómodos graves para a aviação civil, para o turismo e para todos aqueles que precisam de se deslocar de e para a Terceira”, frisou.

O deputado do PSD/Açores lembrou ainda que, “já em 2006, o presidente do governo regional, Carlos César, assumiu que cerca de um terço dos passageiros transportados por via aérea nos Açores o faziam através do aeroporto das Lajes, o que já provocava alguma concentração de aeronaves”.

“A verdade é que, nos documentos previsionais regionais seguintes a 2009, e até ao dia de hoje, esta questão não voltou a ser referida”, diz Luís Rendeiro que novamente recorda aos açorianos que “a Aerogare Civil das Lajes, e toda a componente civil daquele aeroporto, são da responsabilidade do Governo Regional dos Açores”, concluiu.