PSD/Açores exige melhores serviços da SATA na Terceira
Publicado em 09 de Julho, 2015

Os deputados do PSD/Açores eleitos pela ilha Terceira exigiram da SATA e do Governo Regional “explicações sobre o mau serviço que a companhia aérea regional está a prestar à ilha, e que se pode confirmar facilmente pelos maus resultados apresentados pelo turismo, conforme revelam as estatísticas recentes”, disse o deputado Luís Rendeiro.

“Entendemos que chegou a hora da SATA, que é uma empresa de capitais exclusivamente públicos e detidos pelo Governo Regional, explicar porque é que não tem voos suficientes para a Terceira, porque é que não tem lugares suficientes nos voos para a Terceira. Quer nas ligações interilhas como relativamente aos preços praticados nas ligações da Terceira para o Continente, são condições que têm tornado virtualmente impossível visitar a ilha”, avança o social-democrata.

Luís Rendeiro considera que “esta situação está claramente a prejudicar o turismo na Terceira e a circulação de turistas e passageiros no espaço regional e nas ligações com o exterior. Cabe ao Governo Regional explicar porque é que a SATA está claramente a prejudicar o turismo na Terceira”, referiu.

Para o deputado do PSD/Açores, esta realidade “está em contraciclo com o que se passa no resto da Região, pelo que exigimos responsabilidades a quem as tem. E a SATA tem de explicar as suas opções de gestão, que estão a prejudicar a ilha Terceira”.

Os deputados social-democratas vão pedir uma reunião do Conselho de Ilha, para que “aquele órgão, e o seu presidente, possam reivindicar junto da SATA um melhor serviço público, melhores ligações áreas para a Terceira, preços melhores e uma gestão que deixe de condicionar e de estrangular o desenvolvimento do turismo na Terceira, como está a acontecer agora”, concluiu.